Resquícios

crônicas do cotidiano, resenhas mirabolantes & um tonel de sentimentos

Olá você do lado dai!

Sou a Luciana, mas pode chamar de Lu, artista de hand lettering, blogueira, ilustradora, designer e artesã, viciada em pinterest, café, chá de maça, Harry Potter e BTS. Tem uns textos meus por ai desde 2010.

Leia Também

me perdi em decisões


Esse é um daqueles momentos, sabe? Aqueles que você foge enquanto pode, mas, chega uma hora e não se tem mais o que fazer a não ser escolher, porém não é simples como escolher entre sorvete de creme ou de chocolate, é um pouco mais complicado, são decisões que podem mudar sua vida mesmo você não querendo ou não gostando de mudanças. Eu nunca fui lá uma grande fã do novo, da mudança e muito menos de escolhas, e sei que isso não é lá uma qualidade, mas gosto de como as coisas são, ou melhor, estão, não gosto de pressão e de pessoas falando o que devo ou não fazer em determinadas situações, calma lá amigo a vida é minha só pra você saber.

Não que eu negue toda e qualquer ajuda, porém existem coisas que somente nós podemos fazer por nós mesmo, que redundância Luciana, mas, a vida é assim uma constante redundância na qual as situações se repetem com uma pitada de algo a mais e você mesmo já sabendo o que vai acontecer no fim, cai nela sem paraquedas, o que te ampara é só o dessa vez é diferente, será mesmo? Acredito que a maioria das pessoas que dizem isso além de estarem mentido para si mesmas não acreditam no que dizem, eu já fui assim, não nego e que derrame a primeira lágrima quem nunca chorou de arrependimento, ou por amor.

Mas, nem tudo se trata de decepção, às vezes você só precisa de um novo (re)começo, quem nunca se perdeu em meio a decisões acumuladas numa mente turbulenta? Eu já, para ser sincera acho que vivo perdida aqui dentro. Só que olha para trás meu caro e me diga, nessa levada da vida o que ela levou de você? Quais caminhos você passou? Qual poderia ter sido sua rota? Eu sei, olhar para trás e se arrepender não vai mudar nada, talvez não precise mesmo, ou melhor, não precisa, desde que você acorde e veja o que está fazendo.

Ache um fio no meio dessa bagunça mental e siga essa rota, ache uma cadeira sente e pense, analise tudo, parece deprimente, e é, mas, é necessário, nem só de flor é a vida, existe a seca, os espinhos, os insetos, tudo para te impedir de segui teu caminho, seguir e não ficar parado como está nesse momento, e não me diga que não, que lá, no fundo você sabe que sim, minta para mim, mas não para si mesmo. Esse é um daqueles momentos, de desapegar do passado, das pessoas, dos lugares e seguir com o vento, de arrumar as malas e partir ao desconhecido para crescer, para viver, esse é o momento de ser feliz e não precisa de companhia para isso não, seja suficiente a si mesmo. Esse é um daqueles momentos, aqueles que nunca são um fim.




gostou do post? então compartilha com os amigos ↷

Comentários

  1. Que texto bonito. Tomar decisões é sempre difícil, pois uma escolha nos tira automaticamente outras possibilidades. Acho que por isso é meio normal ter esse medo do novo.
    Beijinhos

    Vidas em Preto e Branco 

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é uma verdade, o problema de se tomar decisões é perder outras possibilidades, que talvez surgirão novamente as vezes até melhor, a vida é uma incógnita e precisamos achar caminhos para seguir, mesmo que isso nos afaste de algo ou alguém, fico feliz que tenha gostado flor, beijos!!

      Excluir
  2. Nossa como me identifiquei em cada palavras. Gosto das coisas como são, dos poucos amigos, da velha rotina. Sei que mudar ás vezes é bom, mas gosto de me apegar o que já tenho.
    Belíssimo texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou exatamente como você, gosto de me apegar ao que tenho e tudo mais, mas as vezes a vida te dá um puxão e fala bem serio por ai não, então você olha e percebe que é hora de mudar, fico feliz que tenha gostado flor, beijos!!

      Excluir
  3. Eu vivo com bagunças mentais e sair delas são coisas difíceis demais... Organizar os pensamentos... Chega a refletir no ambiente o estado da nossa cabeça; Amei o texto!
    Beijinhos... Au revoir!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é uma verdade as vezes precisamos reorganizar nossos pensamentos o que é meio difícil as vezes, fico feliz que tenha gostado e um beijo moça!

      Excluir
  4. nossa parece que as palavras são eu...é muito difícil as vezes tomar decisoes e etc
    me apego muito nas coisas e nas pessoas e isso me deixa muito mal tbm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se apegar é um problema as vezes pois se torna difícil deixá-las, mas com um pouco de esforço somos capazes. Um beijo!

      Excluir
  5. Se fosse um outro dia qualquer eu ia pensar: legal esse texto. Mas hoje, justamente hoje eu me peguei me perguntando e pensando sobre isso, e de costume se abateu sobre mim aquela depressão. Essa "coisa" de decisão é difícil né? Parece que é o fim do mundo, esse sentimento é horrível e eu tenho vivido muito ultimamente, sei lá, parece que eu preciso de uma reviravolta na minha vida. Beijão e parabéns pela escrita.



    http://missdiva.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos precisamos moça e tenho certeza de que a mudança que sua vida precisa vai chegar na hora certo, boa sorte com isso e um super beijo!

      Excluir
  6. q otimo texto bem bacana estar perdido eh isso ne acontece

    ResponderExcluir
  7. oi!
    Muitas vezes tomar decisões seja ela qual for é sempre difícil, pois dela depende nosso futuro. Gostei da reflexão :D
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado moça e tenho certeza que sempre escolhemos com sabedoria, um beijo moça!

      Excluir
  8. O texto ficou lindo e me trouxe muitas reflexões.
    Seu blog é um amorzinho. Adorei!

    www.brincandodeolivia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah que linda, fico feliz que tenha gostado do blog e do texto moça, um super beijo!

      Excluir
  9. Tomar decisões sempre é complicado! O mais importante é tentar deixar a pressão de lado, por mais difícil que seja, e pensar com cuidado. É como você disse, a vida é sua, é você quem tem que decidir, no seu tempo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, a questão é sempre essa fazer as coisas no nosso tempo as vezes buscamos fazer tudo na correria acabamos por nos arrepender. Um beijo!

      Excluir
  10. Poxa, to bem desse jeito...
    Eu sou muito indecisa, muito mesmo, mas quando vou pelo impulso, na hora, é quando mais dá certo. Mais ou menos, já fiz muita merda assim, mas também fiz boas... É difícil achar um equilíbrio.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O equilíbrio é sempre complicado de achar mesmo pois na maioria das vezes agimos pelo calor do momento e por pressão o problema é só quando isso dá errado ão é mesmo? Um beijo!

      Excluir
  11. Mudanças, escolhas, sair da zona de conforto nem sempre é fácil, mas as vezes para crescer é preciso ... já fui mais indecisa, medrosa, hoje em dia pago pra ver, descobri que muita coisa boa pode acontecer quando se enfrenta o medo ... Ótima reflexão!
    Bjs (•‿•)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também descobri isso moça e ter um blog foi uma delas, uma decisão e tanto, no fim nada toda experiencia é bem vinda. Um beijo!

      Excluir
  12. Tomar decisões é bem complicado, adorei o texto!

    Beijos,
    placestyle.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado moça, um super beijo!

      Excluir
  13. Que texto ótimo, Luciana! Gostei muito.
    Também sofro pra tomar decisões pq eu sou extremamente altruísta, coloco sempre as pessoas à frente e às vezes isso acaba me prejudicando. Preciso muito de uns "chacoalhões" da vida eventualmente... hahaha

    Um beijo,
    Pietra
    eutemostro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já fui muito altruísta mas depois de um longo tempo comigo mesma percebi que algumas pessoas não merecem nossos esforços. Um beijo!

      Excluir
  14. Nossa vida é repleta de decisões e uma parte delas não é fácil, isso nos coloca em meio a um turbilhão e a tensão de ter que encontrar uma saída.
    As vezes é só preciso respirar fundo e seguir em frente, se tropeçar no caminho, a gente se equilibra e continua.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, mas as vezes é tão difícil manter o equilíbrio não é mesmo.

      Excluir
  15. Decisões é algo muito difícil, qual se deve bastante atenção!

    ResponderExcluir
  16. Sinto que sou bem o contrário, adoro mudanças, novos caminhos e novas brisas. Mas mudar é abrir mão da estabilidade, então também são decisões difíceis, risos. Eu acredito sim que toda vez é diferente, não porque a situação mudou, mas porque somos outra pessoa; estamos sempre revisitando as coisas, mas estamos sempre vindo de lugares diferentes, vendo por outros ângulos, então toda vez é diferente, ainda que não seja. Não sei se fez sentido.

    Beijos!
    Masha Alkhim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faz todo sentido sua reflexão, tenho tentado ser mais adepta das mudanças mas, não é lá algo muito fácil apesar de ser tão importante para nossas vidas esses sacodes. E concordo com você que toda vez é diferente por sermos sempre outra pessoa, a cada dia somos um novo nós e encaramos os probelamas, mesmo os de ontem, de formas diferentes diariamente.

      Excluir

Postar um comentário

Se quiser saber qual foi minha resposta ao seu comentário clique em "notifique-me", assim podemos conversar conversar melhor ♡

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *